sem nome_banner-sociedade desmilitarizacao.png

Fim das milícias: desmilitarizar a polícia é o caminho?

You can get more out of your site elements by making them dynamic. To connect this element to content from your collection, select the element and click Connect to Data. Once connected, you can save time by updating your content straight from your collection—no need to open the Editor, or mess with your design. 

 

Add any type of content to your collection, such as rich text, images, videos and more, or upload a CSV file. You can also collect and store information from your site visitors using input elements like custom forms and fields. Collaborate on your content across teams by assigning permissions setting custom permissions for every collection.

 

Be sure to click Sync after making changes in a collection, so visitors can see your newest content on your live site. Preview your site to check that all your elements are displaying content from the right collection fields. Ready to publish? Simply click Publish in the top right of the Editor and your changes will appear live. 

A existência de grupos paramilitares dentro das forças policiais tornou-se um dos piores problemas que a segurança pública brasileira enfrenta hoje. Seus efeitos se manifestam em violência policial, corrupção, abusos de poder, descontrole estatal, ineficácia e desvirtuamento das funções de proteção e guarda da população. Antes circunscrito ao Rio de Janeiro, hoje as milícias estão espalhadas em todo o país e gerando efeitos até mesmo no âmbito político nacional. Partindo do ponto que as milícias são nefastas à democracia e ao Estado de Direito, o debate proposto gira em torno das soluções. Isto é, o foco deve ser as ações de combate a esse fenômeno, incluindo reformas policiais, questões conflitantes entre desmilitarização, desarmamento, prevenção e repressão.

divisoria-1.png

PROGRAMAÇÃO

Em breve mais informações

divisoria-2.png

PAINELISTAS

Em breve mais informações

divisoria-2.png